Com presença de Ophir, OAB-PE lança pedra fundamental da nova sede

Recife (PE) - Com a presença do presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante; do vice-presidente do Conselho Federal, Alberto de Paula Machado, e do secretário-geral da entidade, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, o presidente da OAB-PE, Henrique Mariano, lançou nesta quarta-feira (28) a pedra fundamental da nova sede da Seccional, no Polo Jurídico de Joana Bezerra. O projeto de construção do imóvel já está em fase de desenvolvimento e as obras devem acontecer no primeiro trimestre de 2013.

Também participaram do evento os diretores da OAB-PE, Pelópidas Soares Neto, Bruno Baptista e Hebron Cruz de Oliveira; os conselheiros federais Jayme Asfora, Leonardo Accioly e Pedro Henrique Reynaldo Alves – presidente eleito da Seccional para o triênio 2013/2015. O terreno onde funcionará a nova sede da entidade foi doado pela Prefeitura do Recife e fica próximo ao Fórum Rodolfo Aureliano. A atual secretária de Assuntos Jurídicos da Prefeitura, Virgínia Pimentel, e o antigo titular da pasta, Ricardo Soriano, também compareceram ao ato de lançamento da pedra fundamental.

No Polo Jurídico deverão funcionar ainda o Tribunal de Justiça de Pernambuco, o Ministério Público, o Fórum Criminal, a Escola de Magistratura e a Defensoria Pública. Os recursos para as obras da nova sede da OAB-PE foram assegurados pelo Conselho Federal da entidade. Segundo Mariano, o prédio deverá contar, por exemplo, com um amplo auditório, salas de aula e estacionamento para receber os advogados.

Durante a solenidade,  Henrique Mariano ressaltou a importância da nova sede para a advocacia pernambucana. “Será um local que poderemos atender melhor o advogado de nosso Estado e ampliar alguns dos nossos projetos”, afirmou, lembrando que o prédio onde funciona hoje a OAB-PE foi construído em 1972 e passou por uma reforma em 1997. “A atual sede não comporta o crescimento da nossa advocacia”, comentou Mariano. Já o presidente da OAB Nacional, Ophir Cavalcante, reafirmou o compromisso da entidade com a construção da nova sede. “Seja quem for o próximo presidente do Conselho Federal, os recursos para o empreendimento estão assegurados”, concluiu. (Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB-PE)